Reconstrução do tendão calcâneo utilizando técnica minimamente invasiva com reforço do tendão fibular curto

  • Hallan Douglas Bertelli
  • Cintia Kelly Bitar
  • Luís Augusto Bazan de Faria
  • Mário Sergio Paulillo de Cillo
  • Carlos Daniel Candido Castro Filho
  • Carlos Augusto de Mattos
  • Marcelo Manzano Said
Palavras-chave: Tendão do calcâneo/cirurgia; Lesões tendinosas; Procedimento cirúrgico minimamente invasivo

Resumo

Objetivo: Avaliar a técnica minimamente invasiva para reparo dalesão do tendão calcâneo, utilizando reforço do tendão fibular curtoe apresentar os resultados clínicos funcionais, o grau de satisfaçãodos pacientes e as complicações encontradas. Métodos: estudoretrospectivo com 14 pacientes portadores de lesão do tendãocalcâneotraumático ou degenerativo submetidos ao reparo pelatécnica minimamente invasiva com reforço do tendão fibular curto.Resultados: Nos 14 pacientes, sendo dois com lesão bilateral, a frequênciada lesão foi de 53% no lado esquerdo e 47% no direito. Aidade média dos sujeitos é de 47 anos (35-65) e 80% são do sexomasculino. O mecanismo de ruptura predominante foi o traumático,em 73% dos pacientes. Os resultados clínicos funcionais obtidospelo questionário AOFAS no pós-operatório, após um tempo médiode 18 meses (12-24 meses), foram de 86,6 pontos (variando de70-97). Não houve complicação tardia em relação à área doadora eà área receptora em nenhum dos pacientes. Conclusão: A técnicaminimamente invasiva do tendão calcâneo com reforço do tendãofibular curto mostrou-se eficiente, com baixo nível de complicações,de execução simples e com alto grau de satisfação dos pacientes.
Publicado
18-12-2017
Seção
Artigos Originais